sexta-feira, 21 de maio de 2010

Love You 'Till the End.


Por muitas vezes você esteve ao meu lado e eu não percebi. Sabia que você era alguém especial pra mim, mas não consegui impedir que obsessões minhas me afastassem de você. E, mesmo fazendo tudo isso, você ainda continuou a me apoiar, a estar ao meu lado e a me fazer esquecer dos meus problemas. Algo tão simples, porém tão especial. Os meus olhos não conseguiram enxergar a realidade: era você que eu deveria ter escolhido pra mim. Era você a pessoa que mais me amava nesse mundo e que queria o melhor pra mim. Devia ter notado o quanto você se dedicou a mim, a minha vida, e, por mais que eu insistisse em não te notar, você continuou me amando e sorrindo pra mim. Sim... o seu sorriso. Quando você o mostrava pra mim, ele se tornava o meu único guia, o qual me mostrava que o mundo não era apenas maldade, por mais que sempre se mostrasse assim. Fico pensando nas vezes em que a minha mente encontrou descanso a partir do momento em que você esteve nela, transformando o caos em que ela se encontrava num manancial de brandura. Não consigo imaginar o que teria acontecido caso eu tivesse te notado e dito o que eu sentia – e sentirei eternamente – por você. As vezes penso que apenas te faria sofrer por conta de toda a vida complicada que eu tinha. Mas outras vezes chego a pensar que teria tido a chance de te fazer muito feliz. Quero dizer, você nunca escondeu que me amava. Apenas eu não quis admitir o que sentia. Hoje já não vejo o porquê de tudo isso. Sinto que você teria conseguido me ajudar a esquecer o meu passado e seguir em frente, sem me preocupar tanto com o resto do mundo, raiva, vingança e ódio. Isso... você era o meu remédio, melhor que qualquer calmante existente. Hoje, somente penso em te pedir perdão, mesmo que isso não possa chegar até você. É o único modo que tenho de continuar vivendo. Sei que te fiz sofrer. E também sei que sofri e continuarei sofrendo eternamente por não ter admitido e dito a você que te amava... e que sempre te amarei.


Baseado em Code Geass, de Okouchi Ichiro.

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Que texto lindo. Amei o modo como ele passa a sensação de amor, melancolia e ao mesmo tmepo tristeza.

    É de code geass. Já ouvi falar, mas nunca peguei nada. Muito lindo o texto hoshi.

    Como sempre aqui no blog esta tudo lindo.

    Bju =*

    ResponderExcluir
  3. O texto deixou-me sem palavras :x
    Literalmente

    ResponderExcluir

Obrigada por dar a sua opinião :)